6 de abr de 2008

Lanche de Amor

Você está tão perto de ser
A razão do meu viver
mas te vejo tão distante
De traz da minha estante

Estou tentando falar
Que jamais vou te amar
Mas o coração falou
Que você jamais me amou

Quando lhe vejo com meus olhos
Penso logo em ovos
Pelo meu amor você não se meche
Vou fazer um omelete

Mas quando sinto seu beijo
Logo vem um cheiro de queijo
E quando estou sozinho
Logo vejo um filminho,


Quando nada sei

Penso em hamburguer
Com tudo isso que eu sei
Vou fazer um X-Burguer


Você só pensa no Wallace

E sem querer comi um alface
E de tanta alegria
Eu peguei alergia!



Inspirado em... ngn...
Feito numa aula de matemática...ateh q a professora encheu o saco....
Escrito por Fernando (Kobaia) e Ricardo (Macah?)....

0 Comentários:

Agradecimentos

Kátia Flávia, pela ajuda e suporte na troca de layout.

Fernando e Ricardo por tem tempo e criatividade para postar/criar aqui.

E a todos os leitores (in)ativos do blog. E todos que ajudaram / ajuda/ajudará na divulgação. Em especial ao Victor pelo esforço e apoio.(acho que ele quer algo em troca)!

Arquivos

Direitos Autorais

Creative Commons License

Blog Dois poetas na Escola by Dois Poetas na escola is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Vedada a Criação de Obras Derivadas 2.5 Brasil License.Qualquer reprodução, total ou parcial deverá seguir as leis aqui impostas.

Page copy protected against web site content infringement by Copyscape MyFreeCopyright.com Registered & Protected

  © Blogger templates The Professional Template by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP